AdSense e “protetores de links”

Contrariando o regulamento de qualquer maneira

banidoMuitos editores perguntam se é ou não permitido o uso de “protetores de link” junto com o Adsense. Antes de mais nada vamos explicar o que são os tais “protetores”. Os protetores de links são sites que geram URL encurtadas para um link e inserem um frame com publicidade. A ideia na verdade não é “proteger” coisa alguma, mas sim possibilitar que o blogueiro ganha alguns centavos com o conteúdo alheio.

Isso é contra os regulamentos do AdSense?

A resposta não tem como ser mais objetiva: SIM, mil vezes SIM! De qualquer maneira que você use protetores de link associados ao AdSense vai estar infringindo os regulamentos.

Se você usá-lo para gerar tráfego para seu site monetizado com AdSense você estará gerando visitantes automáticos, e tráfego gerado de forma automática não é permitido pelos termos do AdSense:

Impressões e cliques artificiais gerados por meio de métodos automatizados como bots ou software enganoso são proibidos. O tráfego automatizado pode ser gerado por um editor ou recebido por meio da compra de tráfego. É importante analisar as origens de tráfego antes de decidir trabalhar com elas. Tenha cuidado com programas que verificam os links exibidos no seu site, canal do YouTube ou aplicativo, pois eles também podem gerar cliques nos links dos anúncios.

https://support.google.com/adsense/answer/2660562?hl=pt-BR

Já se você usar para monetizar seus links, você também estará infringindo os regulamentos:

Consideramos um enquadramento de conteúdo quando um site exibe o site de outra pessoa em um frame ou uma janela. É estritamente proibido inserir anúncios do Google nesse tipo de página.

https://support.google.com/adsense/answer/1346295?hl=pt-BR#Displaying_a_third-party_site_on_your_page

Um comentário adicional. Normalmente o uso de protetores de links não é uma infração que costume gerar apenas uma suspensão de 30 dias. Na maior parte das vezes essa prática leva ao banimento sumário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *